quarta-feira, 22 de agosto de 2007

YUKE YUKE NIDOME NO SHOJO (KOJI WAKAMATSU, 1969)

Yuke, Yuke, Nidome No Shojo (Koji Wakamatsu, 1969) acompanha a história insólita de dois adolescentes unidos por um passado de violência sexual e um estranho desejo de vingança. A acção decorre quase na sua totalidade no terraço de um edifício de apartamentos onde, ao cair da noite, uma jovem (Poppo) é vítima de uma violação em grupo. Ao invés de se afastar, Poppo permanece no terraço e é violada uma segunda vez. Em ambas as vezes, não mostra qualquer emoção, parecendo aceitar passivamente a humilhação a que está sujeita. Recusa-se a partir e faz do terraço a sua casa e do bando de abusadores a sua nova família. No terraço encontra-se outro jovem (Tsukio) que observa placidamente o decorrer dos acontecimentos sem esboçar qualquer intenção de intervir. Na manhã seguinte, Poppo e Tsukio começam a partilhar detalhes íntimos das suas vidas, incluindo o facto de Tsukio ter assassinado recentemente quatro pessoas que o forçaram a participar numa orgia e de Poppo ter sido violada continuadamente pelos seus pais. À medida que os dois jovens se enredam numa espiral de desilusão e tristeza, engendram a vingança para os crimes de que foram vítimas. E é então que decidem tomar a atitude que porá termo de uma vez por todas ao infortúnio das suas vidas.

Sem comentários: