quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

FRED FRITH (STEP ACROSS THE BORDER, 1990)

Fred Frith (Heathfield, 17 de Fevereiro de 1949) é um compositor, improvisador e multi-instrumentista inglês que se posicionou ao longo de mais de trinta anos na área onde o rock e a música moderna se encontram. Foi membro fundador de duas das mais influentes bandas inglesas de vanguarda, os Henry Cow (1968-78) e os Art Bears (1978-81). Nos finais dos anos 70, mudou-se para Nova Iorque e entrou em contacto com muitos dos músicos com os quais tem estado ligado, incluindo, por exemplo, John Zorn, Ikue Mori, Tom Cora, Zeena Parkins e Bob Ostertag.

Em Nova Iorque, contribuiu com o seu talento musical para projectos como os Massacre (com Bill Laswell e Fred Maher), os Skeleton Crew (com Tom Cora e Zeena Parkins), e os Keep the Dog (Frith, René Lussier, Zeena Parkins, Kevin Norton, Jean Derome e Bob Ostertag), um sexteto formado em 1989 para interpretar as suas próprias composições.

Nos anos 80, Fred Frith começou a escrever para dança, cinema e teatro, de que se destacam apenas alguns projectos: a banda sonora para o filme canadiano The Top of His Head, Long on Logic, para o Rova Saxophone Quartet, The As Usual Dance Towards the Other Flight to What Is Not, para quarteto de guitarras, Allies, para o coreógrafo Bebe Miller e In Memory, uma colaboração com a poetisa Sara Miles e o cineasta de animação Pierre Hébert, comissionada pela Brooklyn Academy of Music. Mais conhecido em todo o mundo como guitarrista de improvisação, Fred Frith tem o nome em mais de 200 álbuns, tendo actuado em variadas áreas, como baixo nos Naked City, de John Zorn, violino na Looping Home Orchestra, do acordeonista sueco Lars Hollmer, e guitarra em gravações dos The Residents, René Lussier ou Brian Eno.

Em 1990, os cineastas alemães Nicolas Humbert e Werner Penzel realizaram Step Across the Border, um documentário sobre a vida e o trabalho de Fred Frith. Gravado entre 1988 e 1990 no Japão, Itália, França, Alemanha, Inglaterra, Estados Unidos e Suíça, mostra Frith acompanhado de amigos como René Lussier, Iva Bittová, Tom Cora, Tim Hodkinson, Bob Ostertag ou John Zorn, em ensaios, em espectáculos, nos bastidores de concertos, em entrevistas ou, simplesmente, em momentos de lazer e diversão.

Step Across the Border venceu o prémio de Melhor Documentário no European Film Awards, de 1990. No mesmo ano, a editora RecRec Music lançou o CD com a banda sonora original do filme.

Actualmente, Fred Frith vive nos Estados Unidos e lecciona Composição no Mills College em Oakland, Califórnia.

Excertos do filme Step Across The Border no YouTube:

Sem comentários: